quarta-feira, 26 de setembro de 2012

A novela: PARTE 1

Ficar ou não ficar mais que um ano? A Indecisão que me perturbou nos últimos meses.
Tudo começou em Julho, quando a host falou que queria que eu continuasse com eles, por isso, queria que eu começasse a pensar sobre isso, pois em breve eles queriam a minha resposta, se não ja começariam a procurar outra AU PAIR. Me lembro que na hora eu fiquei meio sem saber o que dizer, perguntei se tinha que pensar logo, e ela disse que até Agosto (portanto, eu teria um mês).
Logo, fiquei naquela indecisão, querer viver nos Estados Unidos eu quero, querer viver longe da minha família, NÃO! Querer ser babá por mais um ano? NÃO. (ainda mais que - eu acho - que as crianças aqui sao piores, mais mimadas. Quando eu digo AQUI, eu nao me refiro a essa casa, mas esse país) Sem contar que eu preciso terminar a minha faculdade ainda, pra ser alguém na vida, né? Crescer. haha Mas, quando ela me perguntou, eu não sabia o que pesar mais, ja que morar aqui é uma oportunidade única, porque nao ficar mais um pouco, ja que eu tenho essa opção? Pra completar, eles finalmente venderam a casa, tinham data para mudança, mil novidades sobre a casa nova,  (que está sendo construída), como por exemplo, a casa vai ser BEM maior que a outra, vou ter um quarto novinho, closet maior pra mim etc. E também faziam mil propagandas sobre o lugar que iriamos morar. Confesso, meus olhos estavam brilhando. HAHA Porém, no fundo eu pensava: Ok! A casa pode ser tudo de bom, mas e se eu nao me adaptar tão facilmente, e se toda essa propaganda não passasse de propaganda e aqui não fosse tao maravilhoso assim, e eu dissesse que queria ficar, mas me arrependesse? Mas por outro lado eu via uma oportunidade de poder estudar mais, quem sabe fazer um curso que eu gostaria mais de fazer (quem acompanha meu blog sabe a novela que foi meus estudos), ja que até entao eu só tinha completado metade dos meus creditos, pois sem saber a data certa da mudança, eu nao pude me matricular em outro enquanto estavamos por la. Resumo da história: minha cabeça estava uma confusão. Até que um certo dia de muita homesick, eu decidi que o que contava era a minha família, e que nao iria ficar mais. No dia seguinte ela me perguntou (acho que era final de julho ou começo de agosto) e eu disse que nao iria ficar mais que um ano, ela entendeu, mas quando comecei a conversar sobre os motivos, comecei a chorar e ela disse que se tivesse alguma coisa que ela pudesse fazer pra "curar" minha homesick, ela faria. E que ela nao ia procurar alguém logo no dia seguinte, portanto, eu ainda podia mudar de ideia.
Foi então que eu tive uma ideia: Por que nao passar férias no Brasil? (ainda tinha uma semana pra marcar), assim curava a homesick e conseguia ficar mais um tempo aqui. Dias depois, discuti a ideia com ela, ela ficou empolgadíssima e me ajudou a comprar a passagem (depois eu paguei pra ela) e ficamos acertadas. (por conta disso, desmarquei minha semana de férias na california e vegas, mas poderia fazer isso no meu proximo ano :) )  Great! Eu estava empolgadissima com a ideia, ficar mais um ano, morar em um novo lugar, morar na nova casa, estudar mais, conhecer mais lugares e ainda poder matar um pouco da saudade da minha família...
Foi então que...

(esperem pela parte 2, bj;*)

Um comentário: